terça-feira, 31 de agosto de 2010

""Dê valor as pessoas enquanto elas estão por perto. Saudade não será motivo suficiente para que elas voltem.'""
Eu vi essa frase no orkut da Fê,poxa,ela diz exatamente o que sinto,e é exatamente o queria ter passado no post anterior.
Eu to tão mais leve em ter falado tudo,e pra ser sincera,não pelos outros,por mim...E sei que com esse post desabafo,me rendeu bons frutos,sei que restaurei partes de mim,que estava perdido,qdo me refiro a partes de mim,são pessoas que fazem parte da minha vida,que me são valiosas,e eu as restaurei,isso me deixou mais feliz e aliviada.
Quando falei sobre a importancia que as pessoas dão pra gente,foi em grau de priorização...
Vou dar um exemplo,minha priorização é:
Meus filhos
Meu marido
Meu pai
Amigosetc,etc e etc
E ai vc começa a perceber qual a sua importancia...e gente eu naum estou morrendo e nem entrando em depressão por causa disso...rsrsrs
Mas fico chateada,pq não são pessoas que vc naum da importancia,e sim pessoas que vc ama de verdade e que vc SABE,que naum deu a importancia que vc esperava,eu sei que existem pessoas que trabalham,estudam e chega o fds quer curtir a familia,como a Eliana e a Jo comentaram,e sei que isso naum muda o carinho e respeito que temos uma pela outra,até pq eu tbm naum sou tão presente na vida delas como gostaria,eu estou falando de gente que tem o tempo,e que priorizou outras coisas,e como disse pra Uiara o que me chateia é serem pessoas que eu amo muito,mas como a Uiara me disse,a gente se chateia pq esperamos demais das pessoas.
E eu descobri que preciso mudar algo em mim sabe,naum preciso esperar que as pessoas mudem por mim,pq isso naum vai acontecer.E enqto eu esperar delas,eu vou me chatear sim...
Qdo falo das pessoas que eu amo,e é delas que espero uma atitude,eu naum falo de presença fisica,eu posso falar de milhares de pessoas que amo,estão presentes na minha vida e estão muito longe de mim,pessoas que nem pessoalmente eu conheço,ou que vi apenas uma vez na vida,mas que de certa forma estão sempre presentes em minha vida,as vezes nem no msn,nem por telefone,nos falamos,mas mesmo assim elas se fazem presente.
Eu acho tão bonito e digno alguém reconhecer o seu erro,pedir desculpas e tentar fazer diferente.
Depois desse post,não vou citar nomes,eu recebi um email tão lindo,tão verdadeiro,me emocionei,chorei,e vi que as vezes a vida leva a gente a cometer alguns erros,mas que ainda da tempo de nos retratar e tentar de novo,um recomeço,e aquilo pra mim,foi a atitude mais digna que alguém teve comigo,eu no final do email nem lembrava mais que estava chateada com ela.
Eu tenho aprendido muito,lembro de diversas vezes ter errado com alguém e ter tido uma grande dificuldade de assumir o meu erro,de pedir perdão,até mesmo com meu marido...qts vezes meu Deus,qts vezes errei com ele,e naum pedi desculpas,argumentei,dei desculpas,mas naum assumi a verdadeira culpa.Qts vezes errei com meu filho,e por ser MÃE,achava que naum deveria pedir desculpas pra ele,pq assim perderia minha autoridade sobre ele,qto tempo perdido neh...Hoje não,eu sei muito bem ir até onde errei,assumir que eu errei,peço perdão e tento fazer diferente.
Hoje sou capaz de perdoar alguém de verdade e recomeçar..
Eu vou tentar,e eu vou conseguir,parar de esperar das pessoas,e continuar gostando de quem gosta de mim e dos meus filhos...E graças a Deus,tenho bastante pessoas que fazem parte de mim...Eu to no melhor momento da minha vida...Tenho tido problemas sim,tenho me entristecido sim,mas eu estou feliz...e tudo isso é superável...Hoje uma magoa naum me corrói mais...Não me deixa enfurecida...Eu amadureci tanto...E devo isso a minha dupla maternidade,me tornei mais compreensiva,mais calma(e olha que isso é dificil hein),me tornei melhor mãe,me tornei melhor esposa,e digo até que me tornei uma melhor amiga...Eu estou feliz...estou muiiiiiittttoooooo feliz...
Ahhhh mudando de assunto,mas continuando no mesmo...rs.... no post passado falei tanto dela,e esqueci de dizer,minha prima érika,voltou ao mundo blogueiro,e quem diria,posta mais do que eu,antes era uma briga ver um post dela...risos...Quero que vcs apareçam por lá pra dar uma olhadinha e conhecer minha prima-amiga...
Meus meninos estão lindos...Enzo agora fala que é uma beleza...todo mundo que ve ele diz que ele tem cara de bravo,mas em casa ele ri o tempo todo,pra mim,pro pai,pro irmão e pro vô...Ele começa a chorar e eu falo pra ele:
-pq vc tah chorando???Não gosto de bb chorão...
Ele cai na gargalhada,meu lindo,mas toda vez que tento tirar foto ou filmar, ele para,pq fica olhando a maquina...rsrsrs.
E reza a lenda que brunão entra de férias dia 08/09,vamo ver neh?Agora com a grana curta...risos..
É isso meninas,logo volto com algumas novisssss
amooooooo

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Divisores da vida
Oi meninas,voltei...Afff qdo eu estava sem blog,naum via a hora de voltar a postar,estava enlouquecida sem escrever,agora que tenho um blog naum consigo escrever,me faltam palavras.E olha que coisas naum me faltam pra falar.
Eu tava aqui pensando na minha vida,me deu vontade de escrever(Aleluiaaaaa).
Eu tenho os divisores da minha vida.
O primeiro divisor dela foi o Matheo.Qdo descobri que estava gravida,muitas pessoas deram as costas pra mim,mas muitas outras fizeram parte dessa mudança de vida.Aquelas que me deram as costas eu dei as costas tbm.Aquelas que me abraçaram e cuidaram de mim,eu passei a amar mais ainda e admirar mais ainda.Teve pessoas tbm que se reaproximaram de mim,qd jah estavam afastadas a algum tempo,como a Érika,minha prima,estavamos afastadas,mas o Matheo nos aproximou novamente,naum foi a toa que ela seria a madrinha do Matheo,se ela naum tivesse recusado o convite,hahahaha,mas tah bom,eu perdoei ela,e o Matheo a chama de dinda,tah ela que naum deixa ele chamar de outra coisa...rsrsrsA Érika foi aquela prima que a gente sempre lembra depois de adulto sabe??Aquela com quem brincamos de bonecas,eram a Cindy e a Raissa...hahaha..esse era o nome que queria pra minha filha...Raissa...Nossa minha filha jah teve tantos nomes,será que eu terei uma filha???Poxa,nossa infancia foi tão boa,era ela eu e meu irmão,os tres mais novos.Ela aniversaria em 02/02,eu 25/03 e meu irmão 04/06,entaum lembro que a gente combinava de quem fazia aniversario era o rei do dia,a gente tinha que fazer td que o aniversariante do dia mandasse,ela sempre saia na frente,pq fazia niver primeiro,depois brigavamos e ngm fazia mais nada...rs.
Depois foi a que chorava comigo por nossos amores impossiveis,meu primeiro namorado,era ela quem me ajudava a acorbertar do meu pai,hihihi.Nossa qts choros,e a gente achava que era o fim do mundo,qdo meu primeiro namorado terminou comigo eu queria me suicidar,é gente eu tomei comprimido com pinga,ahhhhh que idiota,mas ela tava comigo...depois foi me caguetar pra td mundo...hahahaha.
Era com ela que eu brigava.Era com ela que eu fazia as pazes tbm...rsrs.
Depois ela começou a namorar sério,brigamos,qd meu irmão mais velho faleceu é que voltamos a nos falar,mas ai parte do que tinhamos foi despedaçado,e qdo o matheo nasceu é que começamos a juntar os caquinhos dessa amizade.Mesmo assim o namorado dela naum gostava de mim,rsrs,e ai naum eramos muito próximas,e ela tbm foi madrinha do meu casamento.Ahhhhh,saudades...mas o post naum era pra falar dela....
Bom!Ai o segundo divisor foi o meu casamento.Lembro de ter distribuido convites pra um monte de gente,tendo a certeza da presença,e pra alguns eu sabia que naum iriam,mas eu me enganei...aqueles que eu tinha certeza que iriam,muitos nem apareceram,e quem eu menos esperava estava lá.E levei isso pra mim,aqueles que estavam ali era quem eu realmente deveria levar na minha vida,pq se importavam comigo e torciam por mim.Dali eu ganhei a minha cumadre,Uiara,que conheci aqui na net,mas que trouxe ela pra minha vida.
E agora eu tenho um terceiro divisor...O Enzo...É hora de fazer faxina de novo na minha vida...Meu filho vai fazer 3 meses dia 29/08,e muita gente nem apareceu pra conhecer meu tesouro,ngm nem se importou,nem ligou pra saber e tals.
A vida tah corrida??Pra td mundo,pra mim e pra vc.Pessoas vieram de longe pra ver meu filhote e tem gente de perto,que veêm meu filho de tabela,naum pq vieram aqui pra conhece-lo,mas pq encontrou na rua,ou sei lá o que.Ai vc sabe que a pessoa faz um monte de coisa,sai com um monte de gente,vai pra um monte de lugar e pra vir ver seu filho a vida correu???rsrsrs...Esse é o tamanho da importancia que as pessoas dão na vida delas certo??Eu vou dar na mesma medida.Eu fico chateada sim sabe,tipo,ninguem é obrigado a nada,mas entao naum se finge de tonta(o),naum minta,naum arrume desculpas,pq é feio,naum é digno...Affff,vcs se perguntam,o que foi que aconteceu???Nada!Não aconteceu nada,mas isso tah entalado desde que meu pekeno nasceu,algumas pessoas fingem se importar,mas naum demonstram isso com atitudes.E depois não adianta chorar,pq a vida passa rapido demais,as coisas mudam e ai naum adianta se arrepender,a gente tem que fazer por onde.Poxa,eu naum sou melhor do que ngm,mas dou o meu melhor,agora eu estou meio ausente da vida de td mundo sim,mas a minha vida tah de cabeça pra baixo,qd eu tinha só o Matheo eu ia atras ligava,mandava torpedo,fazia o que cabia a mim,mas agora meu tempo naum esta livre eu tenho um bb de 3 meses,naum tenho como sair sozinha com os dois,dependo do meu marido,que só tah em casa de domingo qdo ele quer e precisa descansar,naum tenho carro pra me locomover pra certos lugares.Enfim,naum vou ficar aqui reclamando,pq a gente vive esse tipo de situação,mas aprende,Bruno sempre me diz,vc tem que gostar de quem gosta de vc,e é isso que eu vou fazer.Muitos divisores virão e pessoas vão e vem na nossa vida,as que ficam sempre é que valem a pena ser levadas a sério,naum sou estepe de ngm,pra pessoa aparecer só qdo quer,ou qd naum tiver nada melhor pra fazer.
**Mudando de assunto**
Meus bbs estão lindos,mathe aprendeu a ler,ainnnnn,que lindo ele lendo,não pode ver nada na frente que quer ler,vamos sair fica lendo placas,banners,um fofo,estou muito orgulhosa do meu filho,pq se eu tivesse mantido ele em escola particular ele jah tava lendo a muito tempo,mas ele estuda em escola publica,e o ensino é muito fraco,a prof dele do ano passado era muito boa,jah a desse ano,ao meu ver deixa muito a desejar.Então ele aprendeu a ler pelo seu próprio esforço,ele é muito inteligente,ama matemática,nunca gostou de português,mas agora ele tah aprendendo a gostar...risos..Meu Enzo,tah uma graça,risonho que só ele,rsrs,continua mamando muito...em um peito só...E mal pode ouvir a voz da mãe dele que abre um sorrisão e fica td assanhado,e como eu fico toda cheia de pompa com isso,hahaha.Tive que comprar outro carrinho pra ele,pq o que ganhou tava muito pekeno pra ele...rs
Bruno,esse é um caso sério...Agora dia 23/08 era pra entrar de férias,mas o gerente dele(aquele gazela saltitante) não arrumou nenhum supervisor pra substituir ele,e entaum foi cancelada as férias do maridão...Pior que estavamos querendo passear,e nem vair rolar,pq com certeza qd ele conseguir essas férias naum teremos $$$,ja que ele ja recebeu o valor da mesma,e dinheiro na mão é vendaval...No mais as coisas estão na mesma,eu continuo aqui feliz e sorridente.Logo com mais noticias...prometo naum demorar a postar novamenteBeijos gurias do meu core....amoooooooooo

sábado, 14 de agosto de 2010

Que bonitinhoooo

- E aí, véio?

- Beleza, cara?

- Ah, mais ou menos. Ando meio chateado com algumas coisas.

- Quer conversar sobre isso? – É a minha mãe. Sei lá, ela anda falando umas coisas estranhas, me botando um terror, sabe?

- Como assim?

- Por exemplo: há alguns dias, antes de dormir, ela veio com um papo doido aí. Mandou eu dormir logo senão uma tal de Cuca ia vir me pegar. Mas eu nem sei quem é essa Cuca, pô. O que eu fiz pra essa mina querer me pegar? Você me conhece desde que eu nasci, já me viu mexer com alguém?

- Nunca.

- Pois é. Mas o pior veio depois. O papo doido continuou. Minha mãe disse que quando a tal da Cuca viesse, eu ia estar sozinho, porque meu pai tinha ido pra roça e minha mãe passear. Mas tipo, o que meu pai foi fazer na roça? E mais: como minha mãe foi passear se eu tava vendo ela ali na minha frente? Será que eu sou adotado, cara?

- Sabe a sua vizinha ali da casa amarela? Minha mãe diz que ela tem uma hortinha no fundo do quintal. Planta vários legumes. Será que sua mãe não quis dizer que seu pai deu um pulo por lá?

- Hmmmm. pode ser. Mas o que será que ele foi fazer lá? VIXE! Será que meu pai tem um caso com a vizinha?

- Como assim, véio?

- Pô, ela deixou bem claro que a minha mãe tinha ido passear. Então ela não é minha mãe. Se meu pai foi na casa da vizinha, vai ver eles dois tão de caso. Ele passou lá, pegou ela e os dois foram passear. É isso, cara. Eu sou filho da vizinha. Só pode!

- Calma, maninho. Você tá nervoso e não pode tirar conclusões precipitadas.

- Sei lá. Por um lado pode até ser melhor assim, viu? Fiquei sabendo de umas coisas estranhas sobre a minha mãe.

- Tipo o quê?

- Ela me contou um dia desses que pegou um pau e atirou em um gato. Assim, do nada. Puta maldade, meu! Vê se isso é coisa que se faça com o bichano!

- Caramba! Mas por que ela fez isso?

- Pra matar o gato. Pura maldade mesmo. Mas parece que o gato não morreu.

- Ainda bem. Pô, sua mãe é perturbada, cara..

- E sabe a Francisca ali da esquina?

- A Dona Chica? Sei sim.

- Parece que ela tava junto na hora e não fez nada. Só ficou lá, paradona, admirada vendo o gato berrar de dor.

- Putz grila. Esses adultos às vezes fazem cada coisa que não dá pra entender.

- Pois é. Vai ver é até melhor ela não ser minha mãe, né? Ela me contou isso de boa, cantando, sabe? Como se estivesse feliz por ter feito essa selvageria. Um absurdo. E eu percebo também que ela não gosta muito de mim. Esses dias ela ficou tentando me assustar, fazendo um monte de careta. Eu não achei legal, né. Aí ela começou a falar que ia chamar um boi com cara preta pra me levar embora.

- Nossa, véio. Com certeza ela não é sua mãe. Nunca que uma mãe ia fazer isso com o filho.

- Mas é ruim saber que o casamento deles é essa zona, né? Que meu pai sai com a vizinha e tal. Apesar que eu acho que ele também leva uns chifres, sabe? Um dia ela me contou que lá no bosque do final da rua mora um cara, que eu imagino que deva ser muito bonitão, porque ela chama ele de “Anjo”. E ela disse que o tal do Anjo roubou o coração dela. Ela até falou um dia que se fosse a dona da rua, mandava colocar ladrilho em tudo, só pra ele pode passar desfilando e tal.

- Nossa, que casamento bagunçado esse. Era melhor separar logo.

- É. só sei que tô cansado desses papos doidos dela, sabe? Às vezes ela fala algumas coisas sem sentido nenhum. Ontem mesmo veio me falar que a vizinha cria perereca em gaiola, cara. Vê se pode? Só tem louco nessa rua.

- Ixi, cara. Mas a vizinha não é sua mãe?

- Putz, é mesmo! Tô ferrado de qualquer jeito.


Postagens populares